sábado, 9 de maio de 2009

A vida do meu Eu...


Nao consigo dominar... Este estado de ansiedade... A pressa de chegar... P’ra nao chegar tarde...
Nao sei de que é que eu fujo... Será desta solidão... Mas porque é que eu recuso... Quem quer dar-me a mão...
Vou continuar a procurar... a quem eu me quero dar...
Porque até aqui eu só:
Quero quem... quem eu nunca vi
Porque eu só quero quem... Quem nao conheci...
Porque eu só quero quem... Quem eu nunca vi...
Esta insatisfação... Nao consigo compreender... Sempre esta sensação... Que estou a perder...
Tenho pressa de sair...
Quero sentir ao chegar... Vontade de partir...
P’ra outro lugar...
Vou continuar a procurar... o
meu mundo, o meu lugar...
Porque até aqui eu só:
Estou bem, aonde eu não estou...
Porque eu só quero ir... Aonde eu não vou...

Espelho meu, haverá canção que defina melhor este meu Eu...?!?!?

(Ouvidos e Sentidos - "Estou além", Donna Maria, homenagem a António Variações)

3 comentários:

Efeito Estroboscópico disse...

Há:
...
É p'ra amanha
Bem podias viver hoje
Porque amanha quem sabe se vais ca estar
Ai tu bem sabes como a vida foge
Mesmo que penses que esta p'ra durar
:)

Ana disse...

Concordo perfeitamente Efeito...
Duas músicas que tanto dizem do Eu da minha bulachinha:)...

E em inglês:):)

Say this is it
Don't say maybe
Don't say no
Say this is it
Don't say hold on
Don't say slow
Say this is it
Don't say next time
Don't say when
Say this is it
Don't say later
No, don't say then

Just say yes! Do it now!
Let yourself go!
Just leap! Don't look!
Or you'll never know
If you love it
You might really love it
If you love it
You might really love it!

Oh come on and love it!

Yeah, this is it
Don't be cautious
Don't think twice
This is it
Don't play it safe
Don't put on ice
Yeah, this is it
Don't chew it over
No don't kick it around
This is it
Don't wait and see
Don't try to work it out

mari (a)penas... disse...

Eu tenho várias com que me identifico, consoante o estado de espírito também... Algumas da Mafalda, por exemplo.

Olha adorei a ideia... A tua última frase é a cereja em cima do bolo!

Beijinho