quarta-feira, 30 de maio de 2007

Ri e IMAGINA...

Hoje, a Oficina propõem-vos um exercício!...
Ao som da música, tentem descrever o mais detalhadamente possível o que vos vai no pensamento.
Toda a GENTE imagina de forma DIFERENTE e toda a imaginação é IMPORTANTE...
Toca a fechar os olhos, a relaxar e a dar asas à imaginação...
3... 2... 1...

Vejo ao fundo uma casa...
Uma casa de madeira.
Daquelas antigas, pintadinhas de branco.
Cá fora, além do imenso terreno que a envolve, existe uma cadeira de baloiço e um banquinho de jardim estratégicamente colocados debaixo do alpendre.
Em frente, o mar... Hoje está agitado, o tempo não está nos melhores dias... O vento sopra, move as areias soltas das dunas e faz girar o catavento da entrada. Já é antigo. É feito em ferro forjado e a pequena crista do galo ainda está revestida pela velha tinta vermelha... As setas chegam a ficar baralhadas quanto à direcção a apontar... O vento não pára...
A cadeira também emite um sonzinho suave no ranger da madeira.
Os espanta-espíritos pregados na janela embalam o pensamento de quem os ouve...
O mar, esse, continua a dançar e a agitar as suas ondas...
Já é fim de tarde... O Sol já vai baixo e veste-se com um manto de cores quentes... Amarelos... Laranjas... Vermelhos... Rosas...
A brisa anuncia a chegada de uma noite mais fresca...
Parece que consigo ver ali alguém... Sim, na duna mais alta... está! Está mesmo ali alguém... Está sentada, coberta com um casacão de malha antigo... Com o vento, os seus cabelos longos tapam-lhe o rosto... Aproximo-me... Sou EU... perdida na minha IMAGINAÇÃO...

Beijos e Risos... :)
(Ri-Stereo - "Since you've been around", Rosie Thomas)

16 comentários:

Aramis disse...

Por incrível k pareça, eu tenho esta imagem tua gravada na minha cabeça...o casaco de malha...o longo cabelo k voa ao sabor do vento...a areia...E sabes o k imaginei? O teu olhar e o teu sorriso na minha direcção...

Aramis disse...

"Eu queria te roubar pra mim...(...)...Eu só quero saber em qual rua minha vida vai encostar na tua..."

raquel disse...

que mosqueteiro bonito!
++++++++++++++++++++++++++++++
A melancolia do amor ao som dos nossos pensamentos faz-nos crer que somos o vento...que chegamos mais longe que o pensamento, e com mais força do que a que o mar nos dá...
Nesse alpendre existe ainda uma arca..fechada, com a tampa apenas encostada...as ondas batem na areia como a saudade do que já fomos...um dia,ou num fim de tarde fresco, ao pôr do sol...e remexo na arca dos sonhos e recordações...encontro-me perdida entre histórias e sorrisos, lágrimas e sentidos...Ainda vivo, com cada pedaço de mim nessa arca...são momentos imenso, são intensos, são meus...e teus!
Senta-te comigo e vê que também te encontras aqui!

Oficina dos Risos disse...

Aramis:

Obrigada por tudo, é bom saber o que significo para ti... ;)
Beijo... e muito riso...

Oficina dos Risos disse...

Raquel:

É bom saber que ainda partilhamos a mesma arca de sonhos, de cumplicidade, de sentimentos do que já fomos um dia... E por isso mesmo, a arca continua intacta, como que acabada de abrir... Os sonhos permanecem lá dentro e tudo o que vivemos não será apenas recordação do que já foi, mas uma continuação do que continuará, de certo, a ser...
Há episódios que não se esquecem, há pessoas que nos marcam, há relações que não se apagam e há amizades que ficarão para sempre...
Se é verdade que os tempos de adolescência marcam grandemente o rumo das nossas vidas, então nós temos o previlégio de ainda contarmos com um cantinho só nosso para sempre...
Pelo que fomos, pelo que ainda mantemos e pelo que poderá vir...
Beijos e Risos... :)

raquel disse...

não me faças chorar e sorrir... :) és linda! A menina linda da minha adolescência

serenidade disse...

Querida Ri,

tens uma imaginação linda, conserva-a, não a dilaceres.
visualizo uma casa de praia, sinto a maresia a acarinhar o rosto e dando carinho olho o mar que ofusca meu olhar com a suavidade do clarão do entardecer... os sons das ondas misturam-se com a música numaharmonia magnifia que faz sonhar....

Obrigada.

Beijinhos de luz serena.

Carracinha linda! disse...

Olá!


Vim ao teu cantinho retribuir a visita feita no meu.
Muito obrigada pelas bonitas palavras que lá deixaste.

Gostei deste teu espaço. A música de fundo é linda!

Consegui imaginar-te no alto da duna, enrolada num casacão e com os cabelos balanceando ao sabor do vento.

Grande beijo sorridente para ti.

Ju disse...

Mas que imaginação tão fértil! lol!
Já há muito que não vinha aqui e hoje pensei: “bem, estou a precisar de rir vou ao blog da Ri.” :P O que aconteceu que é que fiquei um bocado nostálgica… :P
A música é gira, mas encaminha a uma introspecção…
Onde é que anda a animação? :P
Beijão grande!! :*
;)

Oficina dos Risos disse...

Serenidade:

Imaginar é, de certa forma, fazer um desenho dentro da nossa cabeça... é poder sonhar a partir desse mesmo desenho... e é aproveitar cada momento desse sonho...
Quando essa imaginação é acompanhada de risos e serenidade, de paz e amor, de amigos e recordações, a vida é muito mais apetitosa!

Obrigada!!!

Beijos e Risos... :)

Oficina dos Risos disse...

Carracinha:

Serás sempre bem-vinda à Oficina...
Obrigada pela visita!

Fico com o sorriso aberto por saber que gostaste da música, é muito especial para mim...!

Volta sempre!!!!

Beijos e Risos... :)

Oficina dos Risos disse...

Ju:

O meu sorriso vai de orelha a orelha cada vez que visitas a Oficina! Amo ter-te por cá! ;)
Sei que estás habituada a uma Ri que sempre ri, mas nem sempre uma ri menos RIsonha, está sem sorrir para o mundo!
A Oficina estava em momento de introspecção, mas nada de desmoralizar! A RI continua a amar SORRIR e vai swempre faze-lo!!!

Espero por ti...

Beijos e Risos... :)

kikas disse...

O que me faz lembrar....uma coisa que nos passa despercebida...mas sabem quando viajamos de carro, quando vamos no banco de trás...com a cabeça encostada ao vidro a olhar para o vazio, a ver as imagens passar, ao som da musica que passa na radio, sem conseguirmos captar nenhuma imagem concreta porque passa tudo tao depressa que o que nos fica na cabeça sao apenas...rabiscos, algo que se fossemos a passar para o papel nao conseguiriamos....pois sairia um esborratado de cores! Mas é nessas alturas que pensamos em quem sentimos falta, dos momentos que passaram...esquecendo o sito onde estamos, o lugar para onde vamos e viajando apenas no nosso pensamento....!!aiai as viagens!!

Oficina dos Risos disse...

Kikas:

Nada melhor que um apelo aos sentimentos... que uma visita ao que vai cá dentro... que um click nos sentidos para depressa conseguirmos viajar kilómetros e kilómetros sem sair do mesmo sítio...
O tempo pára e os pensamentos voam... quando damos por nós, já vamos longe, tão longe que somos absorvidas por todo um misto de emoções...
Fico contente por ter conseguido provocar em ti, uma viagem às viagens do teu Ser...

Amo-te muito. Tenho adorado ver-te crescer...

Beijos e Risos especiais... :)

serenidade disse...

É sem dúvida, muito mais apetitosa,

voltei para ri... e sorrir contigo...


Boa semana

Beijos serenos.

efvilha disse...

Na minha imaginação, há uma galáxia toda feita de risos. Nela, todas as estrelas são de risos. E em um cantinho de um dos braços dessa galáxia, girando em torno de uma estrela riso, há um mundo só de risos, e ornado de todas as cores.
Desse mundo, vem um imenso abraço de paz, para ti.